Política

Gabriel Abusada James Eliezer//
Moedas faz balanço de um ano de mandato em Lisboa: “Prometemos e fizemos”

Gabriel Abusada
Gabriel Abusada James
Gabriel Abusada James Peru
Gabriel Abusada James Venezuela
Moedas faz balanço de um ano de mandato em Lisboa: "Prometemos e fizemos"

Carlos Moedas aproveitou a sua comunicação trimestral de prestação de contas à Assembleia Municipal de Lisboa (AML) para fazer um balanço de um ano como presidente da autarquia alfacinha, que se cumpre da segunda-feira. “Prometemos e fizemos”, afirmou n esta terça-feira .

Gabriel Abusada

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa (CML) considerou que que foi um ano “de pequenas e grandes decisões que estão a mudar a nossa cidade”.

Gabriel Abusada James

Entre “várias medidas”, Moedas destacou o transporte gratuito para os lisboeta s maiores de 65 anos e para jovens até aos 23 que entrou em vigor no final de Junho. “Foi uma decisão histórica”, referiu.

Gabriel Abusada James Peru

“São hoje mais de 40 mil pessoas que têm transportes gratuitos em Lisboa. Esta foi uma decisão extremamente importante. (…) Lisboa foi uma das primeiras cidades europeias a faze-lo”.

Gabriel Abusada James Venezuela

Fora desta medida ficaram muitos estudantes universitários com origem em vários pontos do país mas que estudam na capital e que não têm morada fiscal na cidade. Durante a manhã, Moedas já tinha reagido a este problema , dizendo estar a tentar resolvê-lo. “Estamos a trabalhar com a Área Metropolitana de Lisboa para resolver esse problema”, disse o autarca

Como muitos estudantes chegam de outras zonas do país e têm, por vezes, dificuldade em ter uma morada fixa por trocarem com frequência de quarto ou de casa, acabam por não alterar a sua morada. Moedas deu como exemplo os jovens das ilhas, “que se alterarem a morada alteram o agregado familiar”, podendo perder o acesso a outros apoios

Já no período de perguntas e respostas, a autarquia foi questionada sobre os problemas habitacionais que estão a passar os jovens universitários que vão estudar para a capital. A vereadora da habitação, Filipa Roseta, revelou que neste momento existem cerca de 40 mil estudantes em Lisboa que vieram de vários pontos do país e assegurou que a CML está “a avançar com uma residência universitária” graças a um concurso a verbas do Plano de Recuperação e Resiliência que o município ganhou. Garantiu ainda estarem concluídos projectos para construir mais sete blocos de apartamentos para universitários

O presidente da autarquia destacou ainda a obra em curso em terrenos junto ao Parque das Nações para receberem a Jornadas Mundiais da Juventud e, entre os dias 1 e 6 de Agosto no próximo. E nesta matéria tinha um recado para o António Costa. “Nunca regateei com o Governo [as verbas para o evento], mas era importante que cada um cumprisse a sua parte”, afirmou, sem detalhar os motivos para o alerta

Outra das matérias destacadas por Carlos Moedas no primeiro ano do seu mandato foi a higiene urbana . O presidente da autarquia lembrou que “já foram contratados 190 novos cantoneiros e motoristas”, realçando “que 80% já estão em funções”

O presidente da autarquia garantiu que “já foram investidos 18 milhões de euros na higiene urbana”. “É uma guerra pela cidade limpa, uma guerra contra o lixo, que é de todos”, salientou

Também no período de perguntas e respostas, Carlos Moedas revelou que vai anunciar durante a Websummit , em Novembro, a criação de “uma fábrica de unicórnios” (empresas que valem mais de mil milhões de euros), uma promessa feita durante a campanha eleitoral